quinta-feira, 20 de agosto de 2015

O Bluetooth Pode Salvar Sua Aula!!

Pois é!

Bluetooth!! 
(se pronuncia "blutuf" :) )

A algum tempo tenho pensado em como utilizar o Bluetooth na escola! E essa semana fui meio que forçado a fazê-lo, e deu super certo!! Já conto como foi!!

Pra começar é legal explicar que o BLUETOOTH é uma tecnologia criada em 1994 pela Ericsson (empresa da Suécia), que buscava uma forma simples e rápida de conectar seus celulares aos computadores para troca de dados.



O nome Bluetooth (Dente Azul, em português) foi escolhido em homenagem ao rei medieval da  região da Escandinávia (940-981) chamado Harold Blaatand, que foi capaz de unir os povos da Dinamarca, Noruega e outros da região, (assim como a tecnologia Bluetooth pretende fazer, unindo vários dispositivos), além disso, algumas histórias contam que o rei tinha um dente morto na boca que tinha uma tonalidade escura!!*

O símbolo da tecnologia Bluetooth inclusive é uma alusão ao nome do rei, mostrando suas iniciais, e é legal lembrar que a Ericsson, a primeira criadora da tecnologia tem raízes naquela região, daí ter usado esta história!! É feito um runas...
As iniciais "H" e "B" de Harold Bluetooth
formam o símbolo que identifica a tecnologia.
Você já deve ter visto em muitos lugares!!
Vc pode não perceber, mas sem o Bluetooth muitas coisas hoje não seriam viáveis, como fones de ouvido sem fio e trocas de informações entre aparelhos em curtas distâncias.

O que me remete ao meu relato de experiência!!

A aula era de Geografia no ensino médio e falaríamos de hidrosfera, litosfera e atmosfera... para isso baixei várias fotos e vídeos de vulcões, tsunamis, tornados, placas tectônicas e tal.. tudo para ser usado no projetor para ilustrar a aula expositiva!

Daí que meia hora antes do início do período recebi a notícia de que não ia rolar o projetor... e depois de 2 minutos pensando, decidi me aventurar com o Bluetooth...

Aproveitando o tempinho antes da aula, ali mesmo na sala dos professores, ainda consegui pegar umas imagens de uma notícia daquele dia mesmo, sobre o vulcão Sakurajima que tem mostrado grande atividade e preocupa o Japão. O legal é que ainda pude entrar na sala de aula com uma notícia quentinha e que tinha tudo a ver com a matéria!!


Fotos recentes que do vulcão Sakurajima, perfeitas para falar sobre
a formação de vulcões, terremotos e etc...
Estas foram algumas das fotos que enviei por Bluetooth para os alunos para ilustrar a aula!!
O resto das imagens já tava no celular, que uso também como pendrive!!

Em sala não teve burocracia, gente. Foi como se eu tivesse feito a preparação da aula para ser usada daquela forma mesmo!

Eu só tomei o cuidado de separar os alunos em grupos para que EU não perdesse tempo mandando os arquivos para muitos alunos.

Assim, enquanto eu dava a aula expositiva e chegava num ponto onde eu queria ilustrar, parava uns segundos para liberar as imagens para os alunos. Eu enviava para um aluno de cada grupo, que rapidamente enviava para os outros do seu grupo enquanto eu já estava mandando para outro grupo... assim a imagem ou vídeo ia passando rapidamente de aparelho em aparelho.

O tempo gasto com isso foi bem pequeno mesmo, os alunos adoraram e assim, a participação e o interesse deles só aumentou. A habitual barulheira em sala deu lugar aos comentários dos alunos sobre as imagens que viam nos seus aparelhos. 

Praticamente todo celular ou notebook tem Bluetooth, basta você habilitar o serviço. Depois disso basta você ir na pasta onde suas imagens estão guardadas, selecionar aquela que você quer compartilhar e procure a opção enviar ou compartilhar... provavelmente as opções serão "compartilhar por sms, compartilhar pelo face, compartilhar via bluetooth...."

Tenho certeza que isso ajuda sobremaneira a manter a disciplina nas aulas!!

Pretendo utilizar com mais frequência, pois não temos projetor para todas as aulas, depender de folhas de xerox preto e branco  para imagens não é bacana, além disso, geralmente vc quase nunca consegue imprimir para todos os alunos na escola, muito menos quando são imagens, vocês sabem bem como é eu imagino... não tem impressora, não tem toner, não tem papel....
Sobra pra gente trabalhar com as imagens dos livros didáticos ou ficar apelando para a lembrança ou criatividade dos alunos. Então...


Harald "Bluetooth" Gormsson (c. 935-c.986)
Umas dicas que deixo são:

  • Pegue imagens ou vídeos de baixa resolução para que possam ser transferidas mais rapidamente.
  • Se a imagem for muito "pesada", durante a preparação da aula, abra ela no paint, clique em redimensionar e diminua os valores. A imagem vai ficar substancialmente menor, mas para a tela do celular, não é muito problema.
  • No caso de vídeos, quando tiver preparando a aula, você pode converter estes vídeos para os formatos .3gp ou .ogg, que são formatos típicos de vídeo para celular, por isso também geralmente deixam os vídeos menores e mais leves. 
  • Para converter vídeo, imagem, música... você pode usar o programa Format Factory, é bem fácil e tá tudo em português.


Então é isso, foi divertido, os alunos se interessaram, apreenderam o conceito, não houve problemas em relação ao uso do celular e ainda levaram as imagens pra casa, assim vão com certeza comentar, ver de novo, mostrar para terceiros, explicar o que é.... e assim permanecer próximos ao conteúdo!!

O que você achou dessa experiência?

Se gostou da ideia compartilhe no seu círculo de amizades!!

Não deixe de nos contar caso tenha tido uma experiência semelhante!! É só escrever nos comentários aí embaixo, não vai demorar nada e você ainda pode ajudar um colega professor que ler seu relato!

Grande abraço e vamos nos falantdo!!


*Fonte: Chronicon Roskildense - uma das mais antigas tentativas de escrever sobre a história dos povos nórdicos, de autor desconhecido é datado do séc XII.

Um comentário:

  1. Olá professor

    Sou professora de Geografia no Paraná. Estou fazendo um projeto para o uso do Bluetooth na sala de aula. Sua publicação aqui sobre o tema, foi de grande importância para meu projeto.

    Parabéns
    Cristiane Jakymiu
    Curitiba / PR

    ResponderExcluir